Orçamentos dos setores da Saúde e do Turismo em debate na especialidade

Share Image

O Secretário Regional de Saúde e Proteção Civil garantiu, esta tarde, no Parlamento madeirense, que o orçamento do próximo ano tem por objetivos a “proteção, promoção e prevenção da saúde e proteção civil que conduza aos melhores indicadores de saúde, a uma maior sobrevivência e esperança de vida, a...

XII Legislatura, III Sessão Legislativa Comissão EspecializadaComissão Especializada
Orçamentos dos setores da Saúde e do Turismo em debate na especialidade
  • Debate Orcamento Saude5.jpg
  • Debate Orcamento Turismo5.jpg

O Secretário Regional de Saúde e Proteção Civil garantiu, esta tarde, no Parlamento madeirense, que o orçamento do próximo ano tem por objetivos a “proteção, promoção e prevenção da saúde e proteção civil que conduza aos melhores indicadores de saúde, a uma maior sobrevivência e esperança de vida, a uma diminuição da morbilidade e mortalidade nas doenças não transmissíveis prevalentes na Madeira  e a um maior controlo, contenção das doenças transmissíveis, onde a colaboração do cidadão será essencial.”

Pedro Ramos adiantou que a Madeira já registou mais de 15 mil casos de infeção por Covid-19, sendo a “taxa de ataque foi inferior ao esperado” (-6%).

“A pandemia da doença covid-19 que afetou fortemente e inesperadamente a economia mundial, repercutiu-se naturalmente na economia regional, o que exigiu ao Governo Regional da Madeira, desde 11 de março de 2020, data da declaração, pela Organização Mundial de Saúde da doença covid-19, como pandemia, a implementação de diversas medidas de caracter excecional e extraordinário, indispensáveis para evitar a disseminação da doença covid-19, proteger a população residente na RAM, mas também, para fazer face às consequências económicas e sociais, em resultado da paragem quase total da atividade turística, da qual esta região é profundamente dependente”, disse o governante.

A Secretaria de Saúde e Proteção Civil tem orçado para 334 milhões de euros.

Já a Secretaria Regional de Turismo e Cultura tem um orçamento de 45 milhões de euros, para 2022, onde consta um reforço na promoção da Madeira. A verba reservada para a promoção ronda os 16 milhões de euros.

Eduardo Jesus realçou o crescimento do setor do turismo, em tempo de pandemia, sustentado na criação de novas rotas.

A cultura vai receber 1,3% Orçamento, mais do que o todo nacional, afirmou o governante.

Reuniões Conjuntas 2ª CE 14.12.2021- Tarde (áudio)
Copyright © 2018-2022 ALRAM