Assembleia Legislativa da Madeira iluminada em solidariedade com a Ucrânia

Share Image

A fachada Assembleia Legislativa da Madeira passou a estar iluminada, desde a noite desta sexta-feira, com as cores da bandeira da Ucrânia como “manifestação de solidariedade” com o país que está a ser alvo de uma ofensiva militar por parte da Rússia, lançada na madrugada de quinta-feira. No dia do...

XII Legislatura, III Sessão Legislativa Parlamento Mais PertoParlamento Mais PertoPresidente
Assembleia Legislativa da Madeira iluminada em solidariedade com a Ucrânia
  • Assembleia Iluminada Ucrânia.jpg

A fachada Assembleia Legislativa da Madeira passou a estar iluminada, desde a noite desta sexta-feira, com as cores da bandeira da Ucrânia como “manifestação de solidariedade” com o país que está a ser alvo de uma ofensiva militar por parte da Rússia, lançada na madrugada de quinta-feira.

No dia do ataque o Parlamento madeirense aprovou um voto de protesto contra a invasão da Ucrânia. No documento pode ler-se a “Assembleia Legislativa da Madeira manifesta um veemente protesto contra a invasão da Ucrânia por decisão dos líderes da Rússia numa clara violação do Direito Internacional e das convenções da ONU”, Organização das Nações Unidas. No voto de protesto, apresentado pela Mesa da Assembleia Legislativa da Madeira, o “Parlamento da Madeira apela à cessação desta guerra que constitui uma ameaça real à segurança europeia e mundial, e manifesta a sua solidariedade ao povo da Ucrânia”. Votaram favoravelmente o PSD, o PS, o CDS-PP e o JPP, e o PCP votou contra o protesto.

Um pouco por toda a Europa surgem manifestações de solidariedade com a Ucrânia, que também se espelham em monumentos e edifícios governamentais, como é o exemplo da Assembleia Legislativa da Madeira.

Copyright © 2018-2022 ALRAM