Cooperação entre as Regiões Autónomas tm de ir para além do campo político, afirma Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores

Share Image

O Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores ficou, esta manhã, agradado com a visita à Agência Regional para o Desenvolvimento da Investigação, Tecnologia e Inovação – ARDITI, e aos Parques Eólicos da ENEREEM Energias Renováveis – Grupo EEM (Empresa de Eletricidade da Madeira), vincando que a...

XII Legislatura, III Sessão Legislativa VisitasPresidenteVisitas
Cooperação entre as Regiões Autónomas tem de ir para além do campo político, afirma Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores
  • AHF13972.JPG
  • AHF13795.JPG
  • AHF13759.JPG
  • AHF13525 copy.jpg
  • AHF13509.JPG
  • AHF13340.JPG
  • AHF13308.JPG

O Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores ficou, esta manhã, agradado com a visita à Agência Regional para o Desenvolvimento da Investigação, Tecnologia e Inovação – ARDITI, e aos Parques Eólicos da ENEREEM Energias Renováveis – Grupo EEM (Empresa de Eletricidade da Madeira), vincando que a cooperação entre as Regiões Autónomas tem de ir para além do campo político, principalmente nas áreas da investigação, da inovação e da formação de recursos humanos. “Ainda hoje, na ARDITI, percebemos como pode ser feita essa cooperação em imensas áreas, desde o clima até aos oceanos, com troca de experiências entre as duas Regiões, algumas que já existem e outras que se poderão efetivar e aprofundar”, salientou Luís Garcia.

A ARDITI tem como objetivo, “o apoio a atividades de investigação e de desenvolvimento experimental, de promoção da difusão tecnológica, de formação e de informação científica e técnica, bem como a ações que contribuam para a modernização e desenvolvimento da Região Autónoma da Madeira (RAM)”.

Entre 2010 e 2019 registou-se um aumento significativo da participação de empresas na investigação. 41% do investimento realizado na Madeira foi privado.

No quadro da União Europeia, a Madeira está inserida nas áreas emergentes e inovadoras. “Temos tido capacidade para de ir buscar financiamento europeu”, vincou Rui Caldeira, presidente da ARDITI, que revelou que para este ano, a Agência tem um orçamento de 9 milhões de euros para aplicar em vários projetos. “Em 2021 foram desenvolvidos 54 projetos, prevendo-se a contratação de 10 investigadores nos próximos 3 anos” O reforço de recursos humanos tem por objetivo afirmar a ARDITI na investigação internacional, em áreas como a atmosfera, a biologia e o clima.

O Presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, e o Presidente da Assembleia Legislativa dos Açores, Luís Garcia, visitaram, também, os Parques Eólicos da ENEREEM Energias Renováveis – Grupo EEM (Empresa de Eletricidade da Madeira), no Paul da Serra, acompanhados pelo Presidente do Conselho de Administração da Empresa de Eletricidade da Madeira, Francisco Tabuada, e Pelo Secretário Regional de Equipamentos e Infraestruturas, Pedro Fino.

“Devemos dar o nosso contributo para um planeta mais verde e aqui temos bons exemplos daquilo que está a ser feito na Região Autónoma da Madeira”, frisou o Presidente do Parlamento Açoriano, que manifestou ainda o desejo de que seja reforçada a cooperação nos domínios da investigação e das “energias renováveis ou limpas”. “A parceria entre os dois arquipélagos passa pelo investimento em ciência e inovação”, concretizou.

Luís Garcia deu como bom exemplo a Escola do Mar dos Açores, inaugurada há pouco tempo, “que procura qualificar e formar os jovens para as profissões do mar. Vão aparecer novas áreas e é preciso qualificar os recursos humanos para isso”, defendendo por isso uma maior aposta na formação e uma maior dotação orçamental para as Universidades insulares, de modo a ajudar as empresas, que são “quem vai gerar riqueza”.

 

Informação sobre os Parques Eólicos da ENEREEM Energias Renováveis, Lda – Grupo EEM

 “Na visita aos parques eólicos da EEM, localizados no Paul da Serra, foi possível visitar no local um aerogerador de 3 MW pertencente ao Parque Eólico do Loiral II, um dos 4 parques em exploração pela ENEREEM, empresa do grupo EEM para as energias renováveis.

Um novo parque eólico, o Parque Eólico do Loiral III encontra-se já em fase de concurso público, com uma potência prevista de cerca de 7 MW, que se perspetiva em fase de instalação ainda em 2022 e com início de exploração prevista para o primeiro semestre de 2023. O valor base ronda os 1,1 M€/MW, correspondendo a um investimento total de 7.700.000 €.

 Este reforço de potência eólica foi potenciado pelo Projeto de Ampliação do Aproveitamento Hidroelétrico da Calheta (CTA III), e pela instalação de baterias de sistema, que previam a instalação de 25 MW de potência eólica adicional, dos quais 18 MW a cargo de promotores privados e 7 MW do Grupo EEM, através da ENEREEM, tendo em vista a concretização dos objetivos definidos pelo Governo Regional da Madeira, no que se refere às metas de integração de energias renováveis no mix de produção da Região”, pode ler-se na nota disponibilizada pela Secretaria Regional de Equipamentos e Infraestruturas (SREI).

 “A ENEREEM é maioritariamente detida pela EEM (92,5%) e é a empresa com maior capacidade eólica instalada na RAM. No exercício de 2021, a energia eólica voltou a assumir a liderança no mix energético de fontes renováveis na ilha da Madeira pelo quinto ano consecutivo, mantendo a segunda posição na ilha do Porto Santo. 

Com efeito, a contribuição da fonte eólica para a energia emitida na rede da Madeira em 2021, ascendeu a 15,6%, traduzindo-se num acréscimo de 53,5 % desta fonte de energia quando comparada com o ano 2020”.

Refere ainda a SREI que “em 2021, a emissão para rede, de energia elétrica dos Parques da ENEREEM (44 904 319 kWh) representou 34,6% do total da emissão eólica da região.

Em termos ambientais, a contabilização das emissões evitadas pela exploração dos 4 parques do Paul da Serra ascendeu, no ano de 2021, a: 24 464 ton de CO 2; 68,2 ton de SO 2; 278,4 ton de NOx e 3,6 ton de partículas, evitando o consumo de 4 734,3 ton de fuelóleo e 4 966,2 m 3 de gás natural”.

 

Luís Garcia, Presidente ALRA (áudio)

 

Copyright © 2018-2022 ALRAM