Presidente da Assembleia da Madeira elogia capacidades das Forças Armadas e dos meios de Proteção Civil na Região

Share Image

O Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira esteve presente, esta manhã, na Demonstração de Capacidades do “Exercício Zarco22”, no Porto Santo.José Manuel Rodrigues enaltece o “magnífico exemplo do que as Forças Armadas podem fazer em tempo de paz, sobretudo na ajuda à...

XII Legislatura, III Sessão Legislativa PresidentePresidente
Presidente da Assembleia da Madeira elogia capacidades das Forças Armadas e dos meios de Proteção Civil na Região
  • 1.jpg
  • 4.jpg
  • 2.jpg
  • 3.jpg
  • 5.jpg

O Presidente da Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira esteve presente, esta manhã, na Demonstração de Capacidades do “Exercício Zarco22”, no Porto Santo.
José Manuel Rodrigues enaltece o “magnífico exemplo do que as Forças Armadas podem fazer em tempo de paz, sobretudo na ajuda à população civil em diversas áreas”. Elogiou a cooperação dos três ramos das Forças Armadas, com outras forças de defesa e de segurança e os serviços de proteção civil, que se encontram cada vez mais capacitados e com melhores meios de socorrer em situações de emergência.
O Presidente do Parlamento madeirense, ficou impressionado com "a novidade e evolução tecnológica dos drones e em como esses aparelhos podem ajudar em situações de acidente ou catástrofe”, afirmou.

A apresentação da demonstração do incidente ‘queda de homem na falésia’, deu-se, no Miradouro da Fonte Velha, o Incidente de poluição e embarcação em perigo foi presenciado a partir Cais do Barqueiro, passando pela busca e salvamento de um homem no mar. A ajuda canina é essencial, e também esteve presente nestas demonstrações. Os cães são treinados para agir na deteção de drogas e no controle de indivíduos em situações de violência.
O Exercício Zarco22 teve por finalidade testar os planos de segurança, exemplificar o reforço e o apoio à proteção civil e às demais forças de segurança, numa nova capacidade das Forças Armadas, os sistemas aéreos não tripulados. A utilização de um sistema destes, contribui para a resposta mais rápida e eficaz em situações de emergência e catástrofe. Nestes exercícios foram ainda empenhadas 20 viaturas, seis veículos aéreos não tripulados (drones) e 3 aeronaves da Força Aérea.

O Exercício Zarco22 envolveu 260 militares no Porto Santo e pretendeu testar a capacidade de emprego dos drones. Os militares, a PSP, os meios de proteção civil, onde se incluem os bombeiros, puderam treinar, em diferentes cenários, incidentes possíveis com a integração de técnicas, meios, equipamentos e pessoal, desde a busca e salvamento de pessoas desaparecidas no mar ou em terra, ao acionamento dos meios disponíveis para prestar auxílio à população em situações de catástrofe e acidentes naturais na Região.

José Manuel Rodrigues Exercício Zarco22.mp3
Copyright © 2018-2022 ALRAM